Maioria da bancada gaúcha na Câmara vota contra Michel Temer

A Câmara dos Deputados iniciou, no início da noite desta quarta-feira (2), a votação que decidirá o futuro do presidente Michel Temer. Entre 31 os deputados que compõem a bancada gaúcha na Casa, 58,1% (18) votaram contra o mandatário, isto é, defenderam a possibilidade de o Supremo Tribunal Federal (STF) avaliar a abertura de ação penal contra ele por corrupção passiva.

Outros 38,7% (12) votaram contra a abertura e apenas um (3,2%) não compareceu (o deputado Giovani Cherini, do PR, devido a problemas de saúde). A participação dos gaúchos teve momentos de tensão, com bate-boca, e levou à intervenção do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ).

Ao todo, o governo precisa de 172 dos 513 votos na Casa para impedir que Temer possa ser processado pelo STF.

Confira como votou cada um dos deputados federais do RS

CONTRA TEMER
Afonso Hamm (PP)
Afonso Motta (PDT)
Bohn Gass (PT)
Carlos Gomes (PRB)
Danrlei de Deus (PSD)
Heitor Schuch (PSB)
Henrique Fontana (PT)
Jerônimo Goergen (PP)
João Derly (REDE)
Jose Stédile (PSB)
Luis Carlos Heinze (PP)
Marco Maia (PT)
Marcon (PT)
Maria do Rosário (PT)
Onyx Lorenzoni (DEM)
Paulo Pimenta (PT)
Pepe Vargas (PT)
Pompeo de Mattos (PDT)

A FAVOR DE TEMER
Alceu Moreira (PMDB)
Cajar Nardes (PR)
Covatti Filho (PP)
Darcísio Perondi (PMDB)
José Fogaça (PMDB)
José Otávio Germano (PP)
Mauro Pereira (PMDB)
Osmar Terra (PMDB)
Renato Molling (PP)
Ronaldo Nogueira (PTB)
Sérgio Moraes (PTB)
Yeda Crusius (PSDB)

AUSENTES
Giovani Cherini (PR)

Fonte: Rádio Gaúcha

Redação

Todos os textos publicados no Morro Redondo Online podem ser copiados e reproduzidos livremente, no todo ou em parte desde que a fonte seja citada. Nosso Portal também não se responsabiliza pelos comentários dos leitores e a publicação de conteúdos assinados, e, ou, de outras fontes.