Morro Redondo é representado na 3ª Conferência Regional do Idoso

Secretário Estadual da Política do Idoso, Dionizio Kuchinsk; Daiane Eslabão (CRAS); Vereadora Angelica; Secretário de Asssistencia Social/SLS Pablo Machin
Secretário Estadual da Política do Idoso, Dionizio Kuchinsk; Daiane Eslabão (Cras); Vereadora Angelica; Secretário de Asssistência Social/SLS Pablo Machin

Foi realizada na última sexta-feira (23) na cidade de São Lourenço do Sul a 3ª Conferência Regional do Idoso que teve como tema “A pessoa idosa e o protagonismo nas transformações sociais”.

Promovida pela Secretaria Municipal do Desenvolvimento Social e Habitação, em parceria com o Conselho Municipal do Idoso do município de São Lourenço do Sul, a conferência contou com a presença de mais de 200 participantes que representaram os municípios de Arroio do Padre, Cristal, Morro Redondo e Piratini.

O coordenador estadual da Política do Idoso, da Secretaria de Justiça e dos Direitos Humanos, Dionízio Kuchinski, falou sobre o tema do encontro, e ressaltou a importância dos fundos municipais para a implantação de políticas públicas nos municípios. Ele ainda frisou que o idoso deve lutar por seus direitos e se impor diante da sociedade e da familia para ser respeitado. “Os idosos precisam ter seus direitos garantidos e cada vez mais devem se tornar ativos, tomando suas próprias decisões” defendeu.

Ao final, foram escolhidos os delegados que irão representar os respectivos municípios na Conferência Estadual que acontecerá em Porto Alegre no mês de novembro.

Morro Redondo

Morro Redondo esteve representado na conferência pelo grupo Sempre Alegre do Centro de Referência e Assistência Social (Cras) de Morro Redondo que trabalha com a convivência e fortalecimento de vinculo. O grupo da melhor idade ainda cantou para o público presente.

Os delegados escolhidos para represetnar o município na etapa estadual foram: Representantes de entidade governamental: Fernanda Nogueira (titular) e Giovani Pedrotti (suplente); Representantes da sociedade civil: Daiane Eslabão (titular) e Evald Thiel (suplente).

Segundo a estagiaria de serviço social do Cras Daiane Eslabão, o grupo escolhido para desenvolver o seu estágio foi o de idosos. “A partir daí surgiu a ideia de criar o conselho municipal do idoso, por que eles estão muito esquecidos, não tem quase nada voltado a eles, e até mesmo para que seus direitos sejam garantidos”, comentou.

Redação

Todos os textos publicados no Morro Redondo Online podem ser copiados e reproduzidos livremente, no todo ou em parte desde que a fonte seja citada. Nosso Portal também não se responsabiliza pelos comentários dos leitores e a publicação de conteúdos assinados, e, ou, de outras fontes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.