MP denuncia idoso que matou esposa no Morro Redondo

O Ministério Público denunciou o idoso acusado de assassinar a mulher – idosa de 66 anos – e tentar matar a filha portadora da Síndrome de Down, no dia 22 de novembro do ano passado, no Morro Redondo.

Ari Rosa Tavares foi denunciado por homicídio triplamente qualificado que dificultou a defesa da vítima e por tentativa de homicídio qualificado contra a filha, de 29 anos. Conforme  o promotor José Olavo dos Passos, ele está recluso no Presídio Regional de Pelotas.

Relembre
Uma idosa 66 anos foi morta a facadas e a pauladas pelo marido, de 65. O crime aconteceu na noite do dia 22 de novembro, na Zona Rural do Morro Redondo, próximo ao Camping do Amaro.

O Ministério Público denunciou o idoso acusado de assassinar a mulher – idosa de 66 anos – e tentar matar a filha portadora da Síndrome de Down, no dia 22 de novembro do ano passado, no Morro Redondo.

Ari Rosa Tavares foi denunciado por homicídio triplamente qualificado que dificultou a defesa da vítima e por tentativa de homicídio qualificado contra a filha, de 29 anos. Conforme  o promotor José Olavo dos Passos, ele está recluso no Presídio Regional de Pelotas.

Relembre
Uma idosa 66 anos foi morta a facadas e a pauladas pelo marido, de 65. O crime aconteceu na noite do dia 22 de novembro, na Zona Rural do Morro Redondo, próximo ao Camping do Amaro.

Fonte: Diário Popular

Redação

Todos os textos publicados no Morro Redondo Online podem ser copiados e reproduzidos livremente, no todo ou em parte desde que a fonte seja citada. Nosso Portal também não se responsabiliza pelos comentários dos leitores e a publicação de conteúdos assinados, e, ou, de outras fontes.