Pedágio de Canguçu é assaltado no fim da noite desta quarta

Indivíduos em um Chery Cielo, placas IUW8325, furtado em Pelotas realizaram um assalto no pedágio do Glória, na BR 392, em Canguçu.

Por volta das 22h50min os bandidos chegaram ao posto em um carro roubado. Logo após render a equipe local e pegar o dinheiro, eles fugiram em direção a Pelotas e levaram como refém um funcionário da Ecosul, concessionária responsável pela administração da rodovia.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) foi acionada e iniciou um patrulhamento tático do veículo. Em contato com a Brigada Militar (BM) e a PRF de Rio Grande foi montado um esquema para abordar a quadrilha na estrada. Os criminosos foram surpreendidos pela polícia ainda na BR-392, no quilômetro 524, próximo ao corredor da antiga fábrica Vega.

O condutor perdeu o controle do carro e caiu em uma vala. De acordo com a BM, os quatro bandidos tentaram fugir a pé e passaram a efetuar disparos de arma de fogo contra os policiais. Houve enfrentamento e intensa troca de tiros.

Dois homens foram mortos: Leandro de Souza Gonçalves, de 37 anos, e Éderson Miranda Butierre, de 31.

Outros dois acabaram presos, J.S.S., 25, e A.B.E., 42 – um deles baleado. O refém de 27 anos, que estava no porta-malas, foi resgatado e passa bem. Nenhum agente de segurança sofreu ferimentos durante a operação. O carro utilizado no assalto havia sido roubado em Pelotas poucas horas antes. Foram apreendidas quatro armas, munição, toucas ninjas e mais de R$ 5 mil em dinheiro, em notas e moedas, fruto do assalto à praça de pedágio.

Foi apreendido ainda um outro veículo que seria utilizado pela quadrilha na fuga, um Clio de cor branca, também com placas de Pelotas.

Todo o material foi encaminhado à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA).

Informações do Blog Evaldo Gomes Notícias

Redação

Todos os textos publicados no Morro Redondo Online podem ser copiados e reproduzidos livremente, no todo ou em parte desde que a fonte seja citada. Nosso Portal também não se responsabiliza pelos comentários dos leitores e a publicação de conteúdos assinados, e, ou, de outras fontes.